Páginas

Fale Conosco

Facebook: facebook.com/programaatrasdogol

e-mail: atrasdogol@webradiomooca.com.br



28 de fev de 2013

ENTREVISTA COM JOSÉ CARLOS SERRÃO


Segue um pequeno trecho da entrevista de José Carlos Serrão para a Web Rádio Mooca instantes após a derrota juventina por 2x1 frente ao Audax. A entrevista completa você acompanha no Programa Atrás do Gol da próxima terça feira.

ASSUSTADOR


Serei muito honesto com todos vocês:
Não tenho ânimo para escrever nada sobre como foi o jogo contra o AUDAX e apenas posso dizer que o time se portou muito bem taticamente e melhor ainda na garra e na vontade em campo.

Os jogadores fizeram tudo que podiam fazer, doaram tudo que tinham a doar mas infelizmente existia um time muito melhor qualificado como adversário. Não faltou luta e o time perdeu de maneira dolorosa mas de cabeça erguida.

Uma pena que pessoas mal intencionadas e com pretensões pessoais estejam transferindo a culpa para o Serrão pois ele não tem culpa de nada. A diretoria sim é 300% responsável pelo momento ruim do time pois cometeu uma sequência de erros absurdos, vamos a eles:

1) Não usaram a Copa Paulista como laboratório para a disputa da A2.

2) Recusaram Fernando Diniz e Márcio Bittencourt como técnicos (chegaram a se reunir com a diretoria) e optaram por Claudemir Peixoto.

3) Deixaram que Claudemir estuprasse o elenco que lhe foi entregue dispensando Jean, Eduardo, Romarinho, Didi e permitindo que ele trouxesse jogadores medíocres como Fábio Gomes, Luciano, Márcio Loyola, Getúlio e tantos outros.

4) Desde o início da competição todos perceberam que o problema do time era o meio de campo e as laterais mas infelizmente os visionários da diretoria preferiram gastar UMA GRANA PRETA para contratar o atacante Tuta, que em nada ajudou visto que não era essa a peça que faltava na engrenagem grená.

5) Ao final da quarta rodada o time acumulava 3 derrotas sendo 2 dentro da Rua Javari e os diretores tinham a faca e o queijo na mão para dar um chute na bunda de Claudemir mas infelizmente foram lerdos, passivos, e preferiram esperar que o time chegasse de vez ao fundo do poço para tomar uma atitude.

6) Diversos jogadores falhando decisivamente em TODOS os jogos e mesmo assim eles continuavam sendo escalados como titulares absolutos na farra do boi imposta por Claudemir. 

7) A preparação do time e a pré temporada foram tão mal feitas mas tão mal feitas que após 10 jogos o time está arrebentado. Onde estava o comando do Clube que deveria estar acompanhando esta pré temporada?

9) Após o jogo de ontem contra o Audax ficou evidente que o ex treinador tinha divergências pessoais com jogadores como Xavier e Lucas Biselli e como pode a diretoria não ter interferido para que esses atletas fossem utilizados? É o Juventus que esta em jogo e não as vaidades pessoais de um treinador aventureiro.

Antes da contratação de Claudemir recebi a seguinte mensagem de Márcio Bitencourt que certamente esclarece muita coisa.

Quando Márcio diz Abril ele esta falando de Abril de 2012 época em que começou a fritura de Ferreirão e é muito triste pensar que o Juventus esta nas mãos de pessoas que entendem de futebol na mesma proporção que o Clodovil entendia de mulheres...

A única solução é todo mundo se unir, diretoria, time e torcida, NÃO É HORA DE PROTESTOS sem nexo e sim hora de união e apoio incondicional para que o Juventus não seja novamente rebaixado para a A3. Infelizmente existem pessoas apadrinhadas pelos responsáveis pela queda anterior que estão fazendo de tudo para desestabilizar o ambiente e tentando criar um clima pesado entre torcida e diretoria o que não existe. Tenho certeza que no final deste campeonato o único cidadão que conseguiu a proeza de rebaixar o Juva para a terceira divisão continuará sendo o mesmo de sempre, embora ele esteja fazendo de tudo para que o time caia e ele não mais esteja na história como o único homem a causar tanta vergonha para os juventinos.

E você, pau mandado, não mexa com a torcida do Juventus...

27 de fev de 2013

PROGRAMA EXIBIDO EM 26-02

O Atrás do gol desta semana foi bem agitado e trouxe os seguintes destaques:

- A última entrevista de Claudemir Peixoto como técnico do Juventus
- A primeira entrevista de Serrão para a Web Rádio Mooca
- A repercussão da derrota para o Osasco junto a diretoria do clube
- Entrevistas com Paulo Henrique, Rafael Branco e com torcedores juventinos.
- Muito debate juventino e a coluna mais que especial de Ricardo de Castro, o especialista tático do programa.

23 de fev de 2013

NOVA DERROTA

Capivariano 2x1 Juventus

O estrago produzido pela passagem de Claudemir Peixoto pelo Juventus foi muito maior do que a maioria imagina e a situação juventina é desesperadora. Claudemir dispensou bons jogadores e contratou outros péssimos que não tem a menor condição de tirar o Juva do buraco e as esperanças recaem sobre os mesmos heróis do acesso, Túlio, Xavier, Fubá, Élvis e Renato e Rafael Magalhães. Esses são os jogadores que entendem o que é vestir essa camisa e são eles quem terão que tirar o Juventus dessa.

Faço um apelo a Serrão e aos que dão palpites na escalação do time: Esqueçam esses novos jogadores pois eles não gostam do Juventus e não se esforçam em nada para ajudar, priorizem os que darão o sangue, de verdade, pelo Juventus.

Uma coisa é fato, coisas estranhas acontecem nos bastidores e nos fazem pensar em porque alguns jogadores tem "carta branca" neste elenco? Falham decisivamente a cada rodada e sempre são titulares nos jogos seguintes. Isso sim é uma vergonha.

O Juventus não mereceu perder para o Capivariano...mas perdeu....e não foi apenas o jogo e sim a chance de conquistar a classificação.

Agora é juntar os cacos e tirar do time os quue são escalados por outros motivos que não os técnicos e táticos, é hora de deixar os remanescentes de 2012 jogar, eles irão tirar o Juventus do buraco negro.


21 de fev de 2013

SERRÃO ASSINA COM O JUVENTUS


Serrão volta ao Juventus após 04 anos longe da Mooca

O treinador já assinou o contrato e deve acompanhar o time em Capivari.

Serrão teve uma passagem curta pelo Juventus e foi o treinador do Moleque Travesso durante a Copa Paulista de 2008 quando o time venceu o histórico Juvenal por 4x5 na Barra Funda. É um treinador com muita experiencia e que tem tudo para evitar o rebaixamento do Juva para a A3.   

O técnico José Carlos Serrão tem muita experiência no futebol brasileiro. Depois de nove anos de sucesso como jogador, assumiu a carreira de treinador em 1980 e não parou mais.

Como jogador, participou por seis vezes da seleção paulista e esteve relacionado pelo técnico Zagallo entre os nomes selecionados para a Copa do Mundo de 1974, sendo afastado devido a uma cirurgia.

"É muito importante fazer os jogadores acreditarem e 'comprarem' sua filosofia. Todo técnico precisa ter a confiança de seus comandados. Graças a Deus por onde passei sempre fui respeitado e atingi meus objetivos", diz o técnico.

Serrão já levantou taças com o São Paulo (Paulistão e Brasileiro), Corinthians, Sertãozinho, entre outros. Sem falar nas conquistas como jogador.

20 de fev de 2013

JUVENTUS PERDE O JOGO E O TÉCNICO


Um pequeno trecho da entrevista em que Claudemir confirma seu pedido de demissão.


O Juventus fez um péssimo jogo na Rua Javari e perdeu por 2x0 para o Osasco nesta que foi a sexta derrota em nove jogos disputados até o momento.

Novamente e como vem acontecendo em todas as rodadas os gols do time visitante foram marcados após falhas grotescas e individuais do time desta vez cometidas por Matheus no primeiro gol e pelo goleiro Júnior no segundo, um frango gigantesco.

O treinador Claudemir Peixoto bateu todos os recordes da maluquice e escalou Rafael Magalhães para marcar o lateral adversário e o jogador passou o jogo todo atuando muito atrás no gramado, atrás inclusive de Élvis e Rafael Branco que faziam companhia a Tuta.

O Osasco dominou o jogo do inicio ao fim e venceu a partida com enorme justiça mas apenas conseguiu os gols apos falhas do Juventus. 

Ao final do jogo o treinador Claudemir Peixoto pediu demissão ainda nos vestiários da Rua Javari e concedeu uma entrevista exclusiva para a Web Rádio Mooca que será exibida na íntegra no programa Atrás do Gol da próxima terça feira.

18 de fev de 2013

PORTUGUESA 2X1 JUVENTUS



O Juva foi derrotado na tarde de domingo no Canindé após fazer um grande clássico frente a badalada Portuguesa de Desportos em um jogo muito movimentado com diversas oportunidades de gol e com uma festa absurda da torcida juventina.

 A Lusa começou melhor e foi para cima tentando abrir o placar nos minutos iniciais quando chegou a criar boas chances para marcar. A marcação do Juventus falhava muito pelo lado esquerdo e a Portuguesa aproveitava-se disse explorando esse corredor e fazendo cruzamentos perigosos para a área do Juventus. Aos poucos o Moleque Travesso se organizou em campo e foi criando seus contra ataques que deixaram o jogo emocionante e aberto para qualquer um dos lados, quem errasse menos levava a vitória. E deu Lusa. 

O primeiro gol deles foi uma falha impressionante de Fábio Gomes, que não matou a jogada no meio de campo, do zagueiro Matheus que mal posicionado e sem velocidade foi presa fácil para o atacante lusitano e do goleiro Junior que não consegue parar de espalmar bolas fáceis no pé dos atacantes adversários. Lusa 1x0 aos 43 de jogo. 

O Juventus que havia feito um bom primeiro tempo voltou voando para a segunda etapa e criou diversas chances para empatar, principalmente após a saída do apagado Tuta e da entrada dos acelerados Renato e Claudio, este último que criou diversas chances mas perdeu gols incríveis. A Lusa chegou ao segundo gol apos desatenção generalizada da marcação juventina que apenas assistiu a cobrança de uma falta com muita rapidez e inteligencia que pegou a todos de surpresa. 

O meia Élvis, que fez mais uma boa partida com a camisa do Juve, descontou no finalzinho marcando seu seu segundo gol com a camisa do Juventus aproveitando Rebote do goleiro após chute de Rafael Magalhães. Apesar da derrota, amigo torcedor, existem esperanças de uma reação caso o time apesente o mesmo futebol nas próximas rodadas.

A torcida juventina invadiu o Canindé e fez muito barulho.



As fotos são de Ale Vianna
http://juventusmooca.blogspot.com.br/2013/02/17-fev-13-portuguesa-x-juventus.html



13 de fev de 2013

JUVENTUS 3X1 SANTACRUZENSE


JAVARI
O Juventus venceu a fraca equipe da Santacruzense por 3x1 em um jogo muito triste na Rua Javari. 

Triste porque os torcedores que foram em grande número até o estádio não puderam assistir ao jogo pois o Templo estava interditado desde sexta feira. Mesmo sabendo da interdição o Juventus resolveu arriscar e não comunicou a torcida, confiando assim em algum milagre que cairia dos céus no momento do jogo. Tudo bem para os jovens torcedores que iriam de qualquer maneira até o estádio mas e os idosos? crianças? e os torcedores da Santacruzense que andaram quase 400 km para ver o jogo? 

Infelizmente o Juventus agiu com amadorismo tanto por não manter a documentação da Javari em ordem como por não avisar ao público que o jogo seria com portões fechados. 

Em entrevistas antes do jogo os dirigentes tinham as mais variadas versões para o caso mas ninguém sabia, ou queria, dizer ao certo qual foi o motivo da interdição. A briga é politica mas quem pagou o pato foi o torcedor.


O JOGO
O Juva fez um jogo muito fraco, principalmente no primeiro tempo quando foi dominado completamente pelo adversário, que criava as melhores chances de gol e mandou duas bolas na trave do goleiro Júnior. O time não se acertava e Élvis não tinha opção para jogar, tendo que carregar o time nas costas. Nos acréscimos o Juventus ficou em vantagem numérica devido a expulsão de um jogador do time visitante.

No segundo tempo o time melhorou ligeiramente pois Rafael Branco abriu ótimos espaços pela direita e o time começou a crescer em campo, o centro avante Tuta percebendo a zona tática que era o time recuou e foi ele o principal ajudante de Élvis e os dois desequilibravam a partida.

O primeiro gol juventino nasceu depois de bela investida de Rafael Branco pela direita, o jogador fez a limpa na zaga e apenas rolou para Rafael Magalhães encher o pé e marcar o seu primeiro tento no jogo.

Mesmo vencendo o jogo e com um homem a mais em campo o técnico Claudemir Peixoto ao invés de lançar o time a frente e aproveitar a chance de melhorar o saldo de gols, recuou a equipe e acabou sofrendo o empate em um gol de escanteio.

Claudemir foi ao desespero e lançou o garoto Claudio, que estreou hoje e foi muito bem, criando a jogada para o segundo e para o terceiro gol de Magalhães. No primeiro Claudio levou a bola para a linha de fundo e cruzou com perfeição na cabeça de Tuta que mandou a bola no contrapé do goleiro, que fez uma defesa espetacular e no rebote Rafael Magalhães disparou uma bomba impressionante que estufou a rede, um golaço. 

Nos acréscimos novamente em jogada de Claudio a bola sobrou para Magalhães que levantou a pelota de esquerda e girou finalizando de direita em uma nova bomba que decretou o placar final.

O Juventus venceu mas não convenceu neste primeiro jogo com portões fechados dos 88 anos de história do time da Rua Javari. Uma tarde para ser esquecida na Mooca.


FOTOS DE ALE VIANNA
http://juventusmooca.blogspot.com.br/

12 de fev de 2013

PROGRAMA 03 - ( 12/02 )




Este terceiro programa abordou a vitória juventina frente o Rio Branco, a derrota para o líder Monte Azul e projetou as próximas rodadas juventinas.

Falamos também sobre a interdição da Javari e de como o Clube está fingindo que nada está acontecendo, tratando o torcedor como "panaca" e não informando sobre a interdição do estádio mesmo com o clube sabendo do fato desde a noite de sexta-feira.

Muito triste o que vem acontecendo com o Juventus administrativamente e politicamente.

10 de fev de 2013

A QUARTA DERROTA EM SEIS JOGOS


O Juventus perdeu mais uma no campeonato, a quarta derrota em seis partidas disputadas e mesmo assim manteve Claudemir Peixoto no comando técnico da equipe, só não da para entender o porque.

O Juventus até que não fez um mal jogo mas para um time que conseguiu perder 2 jogos em casa a conquista de pontos na casa do adversário é urgente.

O Juventus ficou fora da zona de rebaixamento por apenas um ponto e volta a campo na próxima quarta feira as 16h na Rua Javari, que provavelmente estará liberada para o duelo contra a Santacruzense. A partida terá transmissão ao vivo da Web Rádio Mooca com Renato Corona, Marcelo Santos, Paulo Franco e Guilherme Conde.

6 de fev de 2013

JUVENTUS 2X1 RIO BRANCO


Com um sistema tático mais ofensivo usando Rafael Branco como meia atacante e com Tuta e Rafael Magalhães jogando juntos no ataque o Juventus conquistou os 3 primeiros pontos jogando na Rua Javari.

Os meias Élvis e Rafael Branco foram os grandes nomes do jogo mas Elvis infelizmente recebeu o terceiro cartão amarelo e não enfrenta o Monte Azul no sábado de carnaval. 

A vitoria foi muito importante para o Moleque Travesso que deixou a zona de rebaixamento da competição.

Os gols da Partida foram filmados por Juraci Migué

O primeiro gol juventino foi anotado por Sandoval (contra) após escanteio batido por Getúlio e cabeçada de Rafael Magalhães.


O segundo foi de Tuta que após sofrer o penalti pegou a bola, fez o gol e foi a loucura nos alambrados da Rua Javari.


Desde 2009 que O Gato Negro estava sumido dos alambrados da Javari mas ontem retornou em grande estilo. Cheguei a cita-lo por diversas vezes durante a transmissão pois estava na cara que ontem era dia de bruxaria na Rua Javari. Foi exatamente no gol protegido pelo Gato que o jogo se decidiu.

A Lenda do Gato Nego
Para quem não acompanhou a transmissão da Web Rádio Mooca e não está entendendo nada desta história de gato segue a explicação:


Opinião dos colunistas

Ricardo Castro 

PROGRAMA 02


2 de fev de 2013

QUE DUREZA - Juventus 0x1 Velo Clube


O Juventus deu mais um vexame em casa e perdeu a terceira partida no campeonato paulista.

O time apresentou as mesmas falhas dos outros jogos com um esquema tático confuso, jogadores sem motivação, uma péssima marcação no meio de campo e laterais inoperantes. Para completar a tragédia o lateral Corte foi expulso ainda no primeiro tempo e acabou de desestruturar o já bagunçado esquema de jogo de Claudemir Peixoto.

O Velo abriu o marcador com um gol de cabeça no incio do segundo tempo e o Juventus desabou de vez a ponto de a melhor chance de gol do Moleque Travesso ter sido aos 46 da segunda etapa com uma cabeçada do goleiro Juninho, que foi ao ataque para tentar aliviar a barra do time. Não deu.

Opinião dos Colunistas:

Ricardo Castro

30 de jan de 2013

FERROLHO JUVENTINO NÃO PAROU A FERRINHA



Após a recuperação frente o Redbull na última rodada o Juventus perdeu a segunda na competição após muita luta em campo. O Problema é que a luta era apenas defensiva. O time não criou nenhuma boa chance de marcar e teve que amarga o gol da derrota aos 43 minutos do segundo tempo. 

O Juventus foi a campo com: Tulio, Roger, Fubá, Matheus e Corte (lateral esquerdo) ; Dijair, Marcão, Téssio, Elvis e Paulo Santos; Rafael Magalhães 

O time da Mooca volta a campo no próximo sábado as 10h contra o Velo Clube em partida que terá mais uma transmissão ao vivo da WEB RÁDIO MOOCA. A narração será de Hebert Costa e os comentários de Wagner Hiroi.

Opinião dos Colunistas:

Ricardo Castro.
http://bolapromatoblog.blogspot.com.br/2013/01/na-morada-do-sol-os-grenas-da-casa.html

Ricardo Pucci.
http://juventustravesso.wordpress.com/2013/01/31/juventus-perde-classico-grena-para-a-ferroviaria/








A ESTREIA - 29/01/2013